Ações para combater o abuso sexual infantil serão realizadas em Taboleiro Grande!



#Assistência Social | 20 de Abril de 2017

A Secretaria Municipal de Assistência Social de Taboleiro Grande realizou reunião estratégica nesta quinta-feira, 20, para elaboração de projeto da Semana Municipal de Combate ao Abuso e à Exploração Sexual de Crianças e Adolescentes.

De acordo com a Secretária de Assistência Social, Fátima Gurgel, o projeto será elaborado para ratificar ações preventivas e minimizadoras durante a gestão da prefeita Klébia Bessa. No mês de maio, a secretaria irá desenvolver várias ações alusivas ao dia “D” do combate. “A ação é objetivando a conscientização e reconhecimento de situações de riscos e ao impedimento de atos de violência praticados com crianças e adolescentes no município de Taboleiro Grande”, relatou a Secretária. 

No dia 18 de maio de 1973, uma menina de 8 anos foi sequestrada, violentada e cruelmente assassinada no Espirito Santo. Seu corpo apareceu seis dias depois carbonizado e os seus agressores, jovens de classe média alta, nunca foram punidos. A data ficou instituída como o “Dia Nacional de Combate ao Abuso e à Exploração Sexual de Crianças e Adolescentes” a partir da aprovação da Lei Federal nº. 9.970/2000. O “Caso Araceli”, como ficou conhecido, ocorreu há quase 40 anos, mas, infelizmente, situações absurdas como essa ainda se repetem.

No Brasil o “Disque 100”, criado pela Secretaria de Direitos Humanos da Presidência da República, é um serviço de recebimento, encaminhamento e monitoramento de denúncias de violência contra crianças e adolescentes.